O sexto protótipo do avião comercial chinês COMAC C919 realizou seu primeiro voo.

A aeronave 106 decolou hoje do aeroporto internacional de Pudong, em Xangai, às 10h15 da manhã (hora local) e realizou um voo de 2 horas e 5 minutos, onde realizou principalmente tarefas de teste de voo para verificar assuntos relacionados na cabine, como iluminação e ruído externo.

O avião também é o último exemplar a aderir ao avançado programa de aviação comercial da China. A produção para os clientes já começou. O protótipo anterior fez seu primeiro voo em outubro e foi enviado à região de Nanchang, no nordeste da China, para testes climáticos extremos.

Segundo a mídia local, cerca de 30 testes foram realizados pelo novo protótipo durante o voo. A fabricante de aeronaves estatal não revelou os detalhes dos testes realizados.

Até o momento, o C919 da COMAC já acumulou 305 pedidos firmes, a maioria de companhias aéreas chinesas. Espera-se que o jato de corpo estreito equipado com CFM Leap-1C entre em serviço no final de 2021 com a cliente de lançamento China Eastern Airlines.

Anúncios

1 COMENTÁRIO

  1. Com altos investimentos em educação técnica, engenharia, é questão de tempo para a China dominar o mercado de aeronaves comerciais mundial. Eles aprendem rápido.

Comments are closed.